Que é um evangélico?

por Michael Horton Os rótulos geralmente são confusos, especialmente quando o conteúdo da embalagem muda. Suco de uva pode virar vinagre com o passar dos anos na adega, porém o rótulo não muda junto com as mudanças na substância. 0 mesmo vale para o termo “evangélico”. Desde o “Ano do Evangélico”, correspondente ao bicentenário deContinuar lendo “Que é um evangélico?”

A Teologia Reformada da Pregação

por Paulo R. B. Anglada*  A pregação, como uma forma distinta de comunicação da vontade de Deus revelada na sua Palavra, está em declínio. Em muitas igrejas ela tem sido substituída por um número cada vez maior de atividades. Há 30 anos atrás, o Dr. Martyn Lloyd-Jones foi convidado a proferir uma série de conferênciasContinuar lendo “A Teologia Reformada da Pregação”

Qual é o problema em gostar um pouco de pornografia?

por Augustus Nicodemos Afinal, o que é pornografia mesmo? Alguém já disse que é mais fácil reconhecer a pornografia do que defini-la. Os dicionários nos dizem que pornografia é o caráter imoral ou obsceno de uma publicação. Material pornográfico é aquele que descreve ou retrata atos ou episódios obscenos ou imorais. Essas definições não ajudamContinuar lendo “Qual é o problema em gostar um pouco de pornografia?”

Por que estou comprometido em ensinar a Bíblia?

por John MacArthur Jamais aspirei ser conhecido como um teólogo, um apologista ou um erudito. Minha paixão é ensinar e pregar a Palavra de Deus. Embora tenha abordado questões teológicas e controvérsias doutrinárias, em alguns de meus livros, nunca o fiz sob o ponto de vista da teologia sistemática. Pouco me inquieta o fato deContinuar lendo “Por que estou comprometido em ensinar a Bíblia?”

O dilúvio

  por Bob Deffinbaug Introdução  O mundo sabe muito pouco sobre a Bíblia, mas poucos desconhecem a história da arca de Noé. Existem brincadeiras sobre ela, quadros, filmes sobre sua procura e até mesmo representações em cerâmica. O conhecimento a respeito do dilúvio é quase universal, mesmo fora do relato bíblico do livro de Gênesis.

O Antigo Testamento e a Bíblia

por Luiz Sayão A Bíblia é a revelação escrita de Deus aos homens. Ela é clara em afirmar sua origem divina. As Escrituras são divinamente inspiradas e proveitosas para nos ensinar a verdade de Deus (2Tm 3.16). Seu próprio testemunho é uma obra plenamente confiável, pois ela é a Palavra de Deus. São 66 livros,Continuar lendo “O Antigo Testamento e a Bíblia”

A arqueologia e o Antigo Testamento

por Luiz Sayão Definição e história A arqueologia é a ciência que estuda o passado humano e as civilizações antigas a partir de testemunhos concretos. Para a tradição judaico-cristã a arqueologia sempre teve um significado especial. Desde Justino Mártir (séc. II a.C.) já havia um interesse arqueológico incipiente entre os cristãos. Nos últimos duzentos anosContinuar lendo “A arqueologia e o Antigo Testamento”

Esboço de Filipenses

Recentemente visitando o blog Veritatis Verbum, organizado por Lucas Rangel, grande amigo de longa data, encontrei um post que muito me chamou a atenção: Um esboço da carta de Filipenses. Como realmente gosto de esboços que representem o texto, mas também tenham seu toque de personalidade, encontrei nesse esboço um exemplo de trabalho bem feitoContinuar lendo “Esboço de Filipenses”

Impossível renová-los para arrependimento – Hebreus 6

por Antônio Lazarini Neto Resumo: O presente artigo examina o texto de Hebreus 6.4-8, utilizando-se de instrumentos exegéticos para analisar as hipóteses de interpretação levantadas acerca dessa complexa passagem que faz parte da composição literária de Hebreus, definida pelo autor da mesma como “palavra de exortação” (13.22) e considerada pelos estudiosos um escrito cujo estiloContinuar lendo “Impossível renová-los para arrependimento – Hebreus 6”