O Maior Problema da Interpretação

Nos últimos post tenho enfatizado o quanto uma metodologia hermenêutica adequada é fundamental para a Teologia. No post Escravidão, Escritura e Hermenêutica tentei demonstrar que existem alguns pressupostos hermenêuticos que não são adequados para a interpretação bíblica, mesmo quando são defendidos por cristãos zelosos e apaixonados pela escritura. Nesse artigo, pretendo continuar falando sobre hermenêutica, e gostaria de demonstrar o que acredito ser o maior problema da hermenêutica bíblica. Continue lendo “O Maior Problema da Interpretação”

Por uma Reforma na Igreja Brasileira

Enquanto comemoramos e refletimos a respeito da Reforma Protestante, uma pergunta ainda nos resta: Será que a Igreja Brasileira não precisa passar por uma reforma? Será que não precisamos voltar às escrituras, ao Cristo ressurreto, ao evangelho? Já não basta mais relembrar a história, a teologia e a mensagem da Reforma Protestante se nós não estamos dispostos a batalhar pela Reforma da igreja brasileira hoje. A única razão que nos faz olhar para o passado e relembrar nossas raízes é nos preparar para lutarmos no presente por uma igreja centrada em Cristo no futuro. É por isso que nesse post, deixo dois comentários a respeito da igreja Brasileira feitos por teólogos brasileiros sobre a necessidade de uma reforma genuína para Nossa Igreja Brasileira. Continue lendo “Por uma Reforma na Igreja Brasileira”

Halloween

Com invasão da cultura americana no Brasil, seja na música, no cinema ou até mesmo na fala (o backup que o diga), a festividade conhecida como Halloween tem gerado alguma polêmica entre os cristãos pelo fato de que tal festa sido incorporada em muitos lugares do nosso país. Por todos os lados na internet encontram-se artigos apontando para os riscos e perigos de tal festividade. É portanto comum que pessoas se perguntem: Como Cristão, posso ou não posso participar da festa de Halloween? Por receber essa pergunta algumas vezes, resolvi escrever esse artigo sobre o assunto. Continue lendo “Halloween”

Por que sou contra o aborto

Poucas coisas nesse mundo causam-me desgosto. Por assumir uma visão normativamente negativa da humanidade, acredito que a existência e a prática de atos deploráveis são possíveis aos homens, em qualquer época e lugar, religião ou filosofia, por qualquer razão ou falta dela, a quem quer que seja por quem quer que for. E isso é claramente demonstrado na experiência humana, seja nos livros de história ou nas histórias do Datena. Num mundo com claras tendências ao mal, tenho a convicção de que a maldade do homem pode ser  manifesta de diferentes modos e a qualquer momento. Entretanto, a questão da luta pela liberdade do aborto me causa um amargo desgosto.

Continue lendo “Por que sou contra o aborto”

Crise de Abastecimento e Redenção

Introdução

Não se fala em outra coisa: estamos vivendo uma crise de abastecimento e recursos naturais no Brasil e no mundo. Profetas de Facebook já decretaram que São Paulo ficará às moscas pela falta d’água. Estima-se que em 40 anos as reservas de petróleo acabarão[1] e, em 2050, mais da metade da população mundial não terá a quantidade mínima de água para suas necessidades básicas.[2] Enfim, na melhor das hipóteses, em poucos anos o planeta estará vivendo uma profunda crise de abastecimento. E o que a teologia cristã tem a dizer sobre isso? Continue lendo “Crise de Abastecimento e Redenção”

CHARLIE HEBDO: Ser ou não ser, eis a questão?

Desde que o ataque terrorista à sede revista Charlie Hebdo, diferentes pessoas apresentaram diferentes posicionamentos relacionados ao evento. Em solidariedade àqueles que foram brutalmente atacados, muitos se levantaram dizendo: “Eu sou Charlie.” Outros, horrorizados com o baixo nível das críticas da revista responderam: “Eu não sou Charlie.” Continue lendo “CHARLIE HEBDO: Ser ou não ser, eis a questão?”

De Olhos Bem Fechados

“Vivam entre os não cristãos de modo exemplar.” – 1Pe.2.12

As vezes tenho a impressão de que a igreja vive de olhos bem fechados para a realidade ao seu redor. Iniqüidade, injustiça e opressão fazem parte do nosso dia-a-dia. Fome, sofrimento e morte estão bem perto de nós, mas nós preferimos não enxergar. A apatia da igreja ante as mazelas da nossa sociedade parecem apontar para o fato de que o problema da igreja não falta de visão, mas a capacidade de ignorar a realidade que ela teme encarar. Continue lendo “De Olhos Bem Fechados”

[In]Fidelix

A igreja primitiva encontrava seu valor no simples fato de receber de Deus o direito de ser perseguida assim como aconteceu com seu Mestre. Foi o Mestre quem os advertiu: “Se o mundo os odeia, tenham em mente que antes odiou a mim” (Jo 15:18). É interessante, entretanto, que a igreja primitiva parecia entender que a perseguição era injustificada. Ao ser morto a pedradas Estevão bradou: “Senhor, não os consideres culpados deste pecado” (At 7:60), uma expressão muito similar àquela feita pelo próprio Mestre: “Pai, perdoa-lhes, pois não sabem o que estão fazendo” (Lc 23.34). A ira e o ódio contra os cristãos não era merecida, assim como não foi com Cristo. Eles não sabiam o que estavam fazendo, e por isso não deveriam ser culpados por esse pecado. Bons tempos aqueles! Continue lendo “[In]Fidelix”

Vinho de Acordo com o AT

[Parte 1]

Talvez você já tenha passado por uma situação similar. Você está na igreja em uma aula do grupo de jovens da Escola Dominical. O assunto é relacionado a vida cristã, namoro, decisões e o futuro. No fim da aula, o professor ainda tem alguns minutos sobrando e decide abrir aquele momento para perguntas. Então, lá no fundo, um jovem com barba por fazer, cabelo por lavar e com a camiseta do Nirvana pergunta: “Professor, o que o sr. acha de bebidas alcoólica? A bíblia proíbe o cristão de beber cerveja?“. Ele mal termina a pergunta, e já se ouve aquele “Aww” em um misto de susto e escândalo pelo tipo da pergunta. É como se esse questão estivesse fora do escopo de perguntas permitidas na Escola Bíblica. Continue lendo “Vinho de Acordo com o AT”

SÉRIE: Vinho, as Escrituras e o Cristão

Não é fácil falar sobre bebidas alcoólicas no contexto da responsabilidade cristã. Poucos temas são tão polêmicos e controvertidos como esse, e infelizmente, ainda existe muita desinformação sobre o assunto. Beber é pecado ou não? Qualquer bebida alcoólica é proibida ao cristão? Pode o cristão beber socialmente? É prudente para o cristão ingerir bebidas destiladas? Essas e tantas outras perguntas precisam ser respondidas. Entretanto, nessa série pretendo responder a essas perguntas do ponto de vista de como entendo as Escrituras. Não tenho qualquer pretensão de escrever uma resposta definitiva para o assunto. Minha intenção é apresentar a coerência bíblica sobre um assunto extremamente controvertido.
Continue lendo “SÉRIE: Vinho, as Escrituras e o Cristão”

Contradições na Bíblia

Para muitos cristãos e ateus, a veracidade do Cristianismo e de suas afirmações está intimamente ligada à veracidade das escrituras. Por isso não é surpreendente que os mais contundentes ataques ao Cristianismo nos nossos dias sejam direcionados às escrituras. Se as escrituras não forem confiáveis, se seus ensinos não forem coerentes, se não forem inerrantes, logo os críticos dirão que também não pode ser inspirada: “Como um livro tão contraditório, incoerente e equivocado pode ser resultado de um Deus todo-conhecedor, todo-poderoso e interessado em se revelar aos homens?“, poderia se perguntar um cético. Continue lendo “Contradições na Bíblia”

Série sobre Caim: Introdução

A história de Caim não está demonstrada por acaso nas escrituras. Sua atitude para com seu irmão serve como um claro ilustrativo dos efeitos da queda sobre os seres humanos. Aquele ser criado para estar com Deus, criado para amar, prefere sua distância de seu Criador e dá ao ódio liberdade e os efeitos são completamente danosos. O que pretendemos observar nesse estudo são as atitudes de Caim e Abel, sua relação com Deus e como Deus intervém de modo Misericordioso e Benevolente com suas criaturas, mesmo após o pecado. Continue lendo “Série sobre Caim: Introdução”