O que significa ser filho de Deus?

Em que sentido nós somos filhos de Deus? O que isso significa? Quais são as implicações dessa afirmação teológica? Nesse post vamos observar essas questões para respondê-las do ponto de vista da Teologia de João. Ou seja, vamos responder a essas perguntas basicamente a partir das declarações do apóstolo João sobre o assunto.

O que dizer do problema textual de Jo.1.18?

Marcelo Berti Um dos problemas textuais mais controvertidos é provavelmente o encontrado em Jo.1.18: Liberais e Ortodoxos tem suas impressões sobre ele, e todos tem seus motivos bem declarados. Aos que têm em mãos várias versões bíblicas já puderam perceber as possíveis leituras desse texto: “Deus nunca foi visto por alguém. O Filho unigênito, queContinuar lendo “O que dizer do problema textual de Jo.1.18?”

A Mensagem dos Apóstolos

O que era desde o princípio, o que ouvimos, o que vimos com os nossos olhos, o que contemplamos e as nossas mãos apalparam – isto proclamamos a respeito da Palavra da vida. A vida se manifestou; nós a vimos e dela testemunhamos, e proclamamos a vocês a vida eterna, que estava com o PaiContinuar lendo “A Mensagem dos Apóstolos”

Milagres de Cristo no Evangelho de João

O uso quase exclusivo de “semeion” por João ao apresentar os milagres de Cristo evidencia que seu propósito está além do que relatar um caso miraculoso. Ele certamente o faz em caráter teológico, apologético e evangelístico: “Na verdade, fez Jesus diante dos discípulos muitos outros sinais que não estão escritos neste livro. Estes, porém, foramContinuar lendo “Milagres de Cristo no Evangelho de João”

O Conceito de “kosmós” em João

“A pregação de João consiste na mensagem de que Deus amou o mundo de tal maneira que enviou seu Filho ‘unigênito’ – não para julgá-lo, e sim para salvá-lo (3.16s; 1Jo.4.9, 14). Bem que ele merecia o juízo, pois o mundo inteiro jaz no maligno (1Jo.5.9); mas é da salvação que ele carece” Rudolf Bultmann,Continuar lendo “O Conceito de “kosmós” em João”

O uso de monogenes em referência a Cristo

Talvez o assunto mais controvertido na Teologia Joanina no escopo da cristologia deva ser o uso e aplicação do termo gr. “monogenes” a Jesus Cristo. Em primeira João vemos o termo acontecer em 4.9: “Nisto se manifestou o amor de Deus em nós: em haver Deus enviado o seu Filho unigênito ao mundo, para vivermosContinuar lendo “O uso de monogenes em referência a Cristo”

Cognocibilidade de Deus em 1João

O conhecimento de Deus é sempre visto nas escrituras e por essa razão cativa seus leitores a um envolvimento mais intenso e profundo com esse Deus. O estudo da teologia própria não é só fascinante por apresentar características de Deus, detalhá-las e apresentar efetivamente nas escrituras, mas por abrir portas para uma forma de conhecimentoContinuar lendo “Cognocibilidade de Deus em 1João”

Temas teológicos em 1João

Primeira Epístola de João Vs TEXTO TEMA TEOLÓGICO Capítulo 1 1 O que era desde o princípio, o que ouvimos, o que vimos com os nossos olhos, o que contemplamos e as nossas mãos apalparam – isto proclamamos a respeito da Palavra da vida Cristologia § Eterno (pré-exisitente) § Humano o Audível o Visível oContinuar lendo “Temas teológicos em 1João”

A relação entre o amor agápe e Deus em 1João

Talvez o mais interessante conceito sobre Deus na Teologia joanina seria o amor de Deus. No quarto capítulo dessa epístola encontramos mais vezes o termo amor que em qualquer outro capítulo nas escrituras. Isso nos leva a concluir que sua visão sobre esse assunto é fundamental para a compreensão correta do cristianismo. Por essa razãoContinuar lendo “A relação entre o amor agápe e Deus em 1João”